Unicred Inova: como tornar os colaboradores parte da inovação

Muitas cooperativas já perceberam que não é possível inovar de forma consistente e duradoura sem o engajamento de toda a organização interna. Foi sabendo disso que o Sistema Unicred estruturou sua principal ação de estímulo à inovação com foco em seu público interno: a Unicred Inova.

Visando atingir a todos os colaboradores, o programa Unicred Inova consiste em abrir as portas da cooperativa para projetos internos com foco na inovação em tecnologia, serviços ou processos.

A ideia é reunir pensamentos e ideias que se transformem em resultados não só para a instituição financeira, como também para o associado.

Quer saber como o programa foi estruturado e os principais ganhos obtidos? Continue conosco.

Como inovar?

As bases que sustentam o Unicred Inova são o estímulo ao pensamento inovador e a certeza de que o compartilhamento de conhecimentos pode responder às transformações em andamento.

Há alguns anos, os conselheiros da Unicred vinham debatendo em suas reuniões a necessidade de introduzir uma cultura de inovação no Sistema.

A unicred entendeu que a inovação era condição para expansão sustentável de seus negócios.

E passou, portanto, a buscar o crescimento de modo sólido, e não apenas multiplicar o número de agências.

Em 2017, a instituição decidiu que isso deveria ser feito a partir da seleção de ideias entre os seus mais de 3 mil colaboradores. O objetivo era fomentar internamente o surgimento de ideias relacionadas à inovação capazes de gerar mais valor aos associados.

Seleção de ideias de inovação

É possível dividir a realização do Unicred Inova em duas grandes etapas. A primeira se dedicou à coleta das ideias de colaboradores.

Para gerenciar esse material, entrou em campo a plataforma britânica Crowdicity, que, no período e um mês e meio, recebeu 478 ideias cadastradas.

Uma comissão avaliadora selecionou 104 ideias que tinham maior aderência e potencial de implantação para uma nova rodada de aprovação junto aos executivos da cooperativa.

Desse total foram escolhidas 12 iniciativas para exposição e defesa em estilo pitch time na feira Unicred Inova. O evento aconteceu em junho de 2018 no laboratório de criatividade do Parque Científico e Tecnológico da PUC-RS, em Porto Alegre.

As iniciativas contaram com o apoio de mentores internos que tinham a função de apoiar os colaboradores no amadurecimento dos projetos.

Primeiros resultados

Após a apresentação, as três melhores propostas selecionadas por executivos e mentores receberam incentivo para implementação sistêmica na companhia.

A segunda etapa do programa começou na sequência, com a implantação prática das ideias escolhidas. Duas das três propostas viraram, de fato, insumos para o desenvolvimento de novas soluções e produtos, que serão lançados pelo Sistema Unicred ao longo de 2019.

A primeira delas consiste em uma aceleradora de crédito com um novo modelo de investimento em startups.

O segundo projeto se baseia no uso de inteligência artificial, machine learning e big data para conhecer melhor os cooperados da Unicred.

A ideia é utilizar esses dados para desenvolver produtos e ofertas mais assertivos para os cooperados.

Todos os colaboradores da Unicred (em diferentes escalões) foram convidados a participar do desafio de inovação. O maior envolvimento, no entanto, aconteceu entre os profissionais que lidam diretamente com o cooperado nas agências.

Design Thinking e Open Innovation

No desenvolvimento de seu programa de inovação, a Unicred apoiou-se na metodologia Design Thinking, conforme explica Pablo Cardias, Gerente de Arquitetura e Inovação da Unicred.

“O Design Thinking se mostrou bastante adequado para detectar falhas em processos”

A cooperativa também aposta em um modelo de inovação aberto (open innovation), mais descentralizado e participativo.

“Acreditamos que podemos inovar de forma mais eficiente ao nos abrirmos para o ecossistema, inclusive para as fintechs e centros de pesquisa”, comenta Cardias.

Um exemplo dessa abertura é a participação da Unicred no grupo Blockchain CoLab, liderado pela Unisinos, em Porto Alegre.

O projeto pretende ser um hub colaborativo entre universidade, sociedade e empresas para conectar o ecossistema, explorar oportunidades e alavancar os esforços de criação e disseminação de soluções baseadas em Blockchain.

A iniciativa permite à Unicred, por exemplo, experimentar e trocar experiências em torno dessa tecnologia inovadora que também está por trás das criptomoedas.

Clima de competição

De acordo com o executivo da Unicred, Pablo Cardias, criar uma cultura de inovação corporativa é um dos desafios a serem superados em iniciativas como o Unicred Inova.

Outra dificuldade, com a qual precisa lidar, é envolver os colaboradores de forma contínua, e não pontual. Com relação a isso, o uso da ferramenta Crowdicity se mostrou muito eficaz, segundo Cardias.

“Ao permitir que todos visualizem as ideias cadastradas, essa plataforma se torna mais colaborativa e interessante. Sem contar que a ideia de criar um desafio gerou uma atmosfera lúdica, de competição saudável, que resultou em uma maior engajamento dos colaboradores.”

Próximas etapas do Unicred Inova

A Unicred avalia a possibilidade de abrir seu programa de inovação para a participação dos cooperados.

“Isso tem tudo a ver com o conceito de cooperativismo e forneceria aos cooperados uma possibilidade de interação com a cooperativa menos rígida do que ocorre, por exemplo, via ouvidoria”, comenta Cardias.

Em 2018, a Unicred trabalhou com um investimento de R$ 21 milhões em inovação e tecnologia.

O Sistema Unicred é uma instituição financeira cooperativa que surgiu em 1989, no Rio Grande do Sul, com origem na área médica e profissionais da área da saúde. Hoje, atua de forma mais abrangente, em outros segmentos da economia.

A cooperativa oferece serviços como investimentos, previdência, seguros, linhas de crédito e assessoria financeira. O Sistema é formado por um conjunto de instituições com forma e natureza jurídica próprias, de natureza civil, sem fins lucrativos. Atualmente o sistema reúne mais de 200 mil associados, em quatro centrais, 35 cooperativas e 257 unidades de negócios.

Se quiser saber mais sobre o case e entender o passo a passo do Unicred Inova, além dos detalhes das estratégias de inovação e os principais indicadores alcançados, assista ao Webinar que gravamos com Fernando Fagundes, Diretor Executivo – CEO do Sistema Unicred, disponível para assinantes da Escola Online da Coonecta.