Sistema OCB/GO inaugura InovaCoop Goiás e abre seleção de startups

O Sistema OCB/GO inaugurou ontem (29/09) o InovaCoop Goiás, um hub de inovação para o cooperativismo goiano. A ideia do espaço é se tornar um ambiente fértil para a disseminação e fortalecimento da cultura de inovação nas cooperativas.

O InovaCoop Goiás buscará estabelecer parcerias entre cooperativas e startups, realizar eventos focados no tema e em iniciativas correlatas e ser um espaço de uso das cooperativas para operacionalizar ações, projetos e programas de inovação.

Localizado no Edifício Goiás Cooperativo, em Goiânia, o hub está aberto a empreendedores que queiram transformar ideias em soluções inovadoras. Pode ser usado, por exemplo, por profissionais na criação e desenvolvimento de produtos e serviços para as cooperativas.

A estrutura do InovaCoop Goiás

Para cumprir seu objetivo de aproximar cooperativas, startups e mercado, num ambiente de inovação e colaboração, o InovaCoop Goiás conta com mais de dez ambientes. 

Ao todo, são 320,5 metros quadrados de área, com:

  • 42 lugares numa arena de eventos;
  • 7 salas reservadas para reuniões, cocriação e desenvolvimento de startups;
  • e um amplo espaço comum, para trabalho cooperativo e convivência.

“Inauguramos um espaço para inspirar pessoas, cooperativas e dirigentes a trabalharem em sintonia e em prol da inovação. E não faremos isso sozinhos. Convidamos diversos parceiros para nos ajudar a construir esse trabalho de tecnologia e inovação para o bem do cooperativismo, do Estado de Goiás e para o Brasil”, disse o presidente do Sistema OCB/GO, Luís Alberto Pereira, na inauguração do InovaCoop Goiás. 

Veja algumas fotos do espaço:

Desafio GoiásCoop de Inovação

A inauguração do InovaCoop Goiás também marcou o lançamento do primeiro Desafio GoiásCoop de Inovação 2020. Trata-se de uma seleção de startups para resolver desafios em dois ramos do cooperativismo: agropecuário e saúde

Segundo o Sistema OCB/GO, a intenção é que as startups apresentem respostas a três demandas específicas em cada ramo, considerando as particularidades do modelo de negócio cooperativista. Vamos conhecer os desafios a seguir.

Desafios no ramo Agro

1. Eficiência na gestão do quadro de cooperados: as cooperativas agropecuárias goianas buscam soluções que as ajudem a ter um “raio x” de seus cooperados, como: dados cadastrais, área da propriedade, área de atuação, produção média e total, entre outras informações. 

2. Aprimorar a gestão comercial no ramo agropecuário: soluções que aprimorem a gestão comercial, gestão de custos por produto, gestão efetiva de suas vendas, até a gestão da carteira de clientes e produtos. 

3. Aumentar a conectividade digital e o acesso estável à energia elétrica no campo: busca soluções capazes de aumentar a conectividade digital e o acesso, estável e sustentável, à energia elétrica no campo, visando trazer mais tecnologia, produtividade e minimização de perdas para as atividades executadas na propriedade rural. 

Desafios no ramo Saúde

1. Desenvolver a telemedicina e a teleassistência: as cooperativas goianas do ramo saúde buscam soluções para o desenvolvimento da telemedicina e teleassistência odontológica, proporcionando ganhos quanto ao incremento de políticas preventivas em saúde junto aos seus beneficiários, melhorias na assimilação do volume de demandas específicas de tratamento e atendimento online.

2. Possibilitar a realização de compras coletivas: soluções que possibilitem a compra de insumos para seus cooperados, assim como eventuais materiais de uso administrativos. Este desafio visa a redução de custos em razão de compras em maior escala.

3. Desenvolver a gestão eletrônica de documentos e atender às normatizações da LGPD: soluções de gestão eletrônica de documentos, que possibilitem a realização de assinaturas no formato eletrônico, respeitando a normatização imposta pelos agentes reguladores e que compreendam as determinações jurídicas da Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD).

As melhores soluções apresentadas para cada ramo serão premiadas: R$ 10 mil para o primeiro lugar, e R$ 5 mil para o segundo, de cada ramo. As inscrições estão abertas até 8 de novembro.

Os projetos selecionados terão potencial de ser contratados pelas cooperativas dos dois ramos – não apenas por aquelas que participam diretamente do InovaCoop Goiás, mas por diversas cooperativas que fazem parte desses ramos.

Regulamento, inscrições e todos os detalhes do Desafio GoiásCoop estão no site do Inovacoop Goiás.

Portal InovaCoop

Durante a inauguração do InovaCoop Goiás, o presidente da OCB/GO, Luís Alberto Pereira, destacou que a instituição goiana está alinhada com as diretrizes da OCB nacional, que já possui o portal InovaCoop, lançado em junho deste ano.  

A plataforma da OCB nacional reúne novidades sobre inovação no Brasil e no mundo, e disponibiliza cursos, ferramentas, informações e muitos conhecimento, tudo para ajudar as cooperativas a inovarem na prática. 

Entre os destaques do InovaCoop, está o Radar da Inovação, que é o principal banco de casos práticos de inovação do cooperativismo.

Inclusive, nós, da Coonecta, somos um dos principais parceiros da OCB na construção e curadoria do Radar da Inovação e na produção de textos, manuais e e-books sobre inovação.

Os conteúdos produzidos por nós, pela OCB e por outros parceiros podem ser acessados no site do InovaCoop. Boa jornada pra você!